Foco no cliente: a importância da gestão de qualidade para a melhoria contínua

Foco no cliente: a importância da gestão de qualidade para a melhoria contínua

Foco no cliente: a importância da gestão de qualidade para a melhoria contínua

A gestão da qualidade com foco no cliente

Toda empresa que se preza, não abre mão do mais eficiente atendimento a seus clientes, sejam eles internos ou externos.

Diante de um mercado cada dia mais competitivo, mínimos e máximos detalhes são igualmente importantes para a sobrevivência de uma corporação. A busca pela excelência e pela qualidade de produtos e serviços são as principais exigências do mercado atual.

De acordo com a NBR ISSO 9000, a Melhoria Contínua no contexto de gestão, relaciona-se com a gestão da qualidade com foco do cliente e melhoria, de forma gradual e incessante, com estabelecimento de metas e acompanhamento da evolução de cada processo. Em outras palavras, investir em qualidade não deve ser uma ação pontual, mas sim um fator que deve fazer parte do dia a dia de cada empresa.

Desde o início do processo até o produto final é importante que não saia da meta da corporação a completa satisfação dos clientes, atendendo suas necessidades e, se possível, superando suas expectativas com relação ao preço, prazo de entrega, produto e confiabilidade.

A gestão da qualidade com foco no cliente: porquê acreditar?

É por isso que investir em Gestão de Qualidade é uma ação 100% lucrativa e de retorno imediato.

Sabe por quê? Atende as necessidades mais singulares dos clientes, gerando satisfação e lealdade;diminui os custos operacionais, pois a melhoria da qualidade aumenta a eficiência.

Com a melhoria da eficiência, os colaboradores se sentem mais eficazes, comprometidos e motivados, fazendo a empresa crescer e alcançar seus objetivos.

Por envolver pessoas, humaniza o processo, gerando identificação imediata entre os agentes.

Melhora o fluxo interno de transferência de conhecimento, gerando desenvolvimento das competências internas; aumento da rentabilidade, devido ao desenvolvimento dos processos produtivos.
Define os processos da empresa, o que gera resultados mais precisos, utilização eficaz dos recursos, diminuição dos erros, redução dos custos.

Gera satisfação em todas as partes envolvidas no processo, ou seja, clientes externos, internos, acionistas, meio ambiente e fornecedores. Melhora a produtividade e, consequentemente, a competitividade da empresa.

É fácil perceber que os clientes têm cada vez mais acesso à informação, e por isso, estão cada vez mais exigentes. Hoje ele procura muito mais do que preços baixos; ele quer qualidade e valores agregados, o que só é possível como resultado da implementação da gestão de qualidade.

Clique aqui para baixar o arquivo em anexo.

Print Friendly